Aplicação de metodologias ágeis às licitações

Alguém utilizando metodologias ágeis aplicadas nas contratações públicas? Observaram ganhos de produtividade dos Pregoeiros e entregas de processos mais céleres? Acham compatível sua aplicação com uma atividade aparentemente mais processual como é o caso das licitações em especial dos pregões? Gostaria da ver aqui a percepção de vocês quanto ao assunto.

2 Likes

Estava pesquisando sobre o assunto também. Mas não encontrei apllicacoes sobre o tema no processo de licitação, mas sim na contratações de desenvolvimento de software utilizando os métodos ágeis.
Você encontrou algo?

1 Like

@Vivianne_Silva,

Conceitualmente, em sentido estrito, os métodos ágeis são aplicados para entregas de projetos. A melhoria do desempenho ou transformação de processos segue a disciplina de Gestão de Processos de Negócio (Business Process Management - BPM).

Entendo que, ainda que a seleção de um fornecedor possa ser vista por alguém como um projeto (característica mais aplicável ao planejamento da contratação), em termos de entregas tais como Edital e Contrato únicos, seria mais razoável pensar como um subprocesso da licitação (Planejamento da Contratação > Seleção do Fornecedor > Gestão do Contrato).

Com essa perspectiva, os ganhos de produtividade e a celeridade poderiam ser alcançados por meio da etapa de Análise de Processo do BPM para identificar desconexões, atividades sem valor agregado e fazer com que a liderança executiva se comprometa com uma forma diferente de trabalho fazendo a conversa chegar num nível estratégico, capaz de institucionalizar as melhorias e mudanças cabíveis.

2 Likes