Proposta a 1 centavo (após um ano de contrato) pode ser sanada por reequilíbrio econômico?

Bom dia, pessoal.

Há um ano, temos contrato com uma lavanderia terceirizada, sendo que a mesma presta excelentes serviços. Ocorre que, ao formalizar a proposta (quando ocorreu a licitação), a empresa cometeu um erro de digitação em um dos itens do pregão e agora lava cortinas a 1 centavo por m2.
A contratada quer continuar prestando serviços, mas não pode continuar bancando esse prejuízo.
Qual seria a forma correta de corrigir isso? A contratada, neste caso, pode solicitar reequilíbrio econômico financeiro do contrato. Se sim, de que forma se faz isso? Ela precisa demonstrar seus custos para provar que está tendo prejuízos?
Não queremos perder esse prestador de serviços, pois nos atende muito bem, então gostaria de saber quais instrumentos possíveis para resolver essa questão.

Desde já agradeço!