Execução do Pregão, conforme decreo 10.024/19

Caros amigos,
Bom dia,

Os amigos já executaram pregão, conforme o Decreto 10.024/19?
Quais as impressões?

Olá, Alexandre
Boa tarde!

De minha parte, ainda não operacionalizei nenhum; no momento, só temos aqui um pregão (que inclusive está publicado) após a vigência do Dec. 10.024/19.
E, para “experimentar” o andamento do certame durante a etapa de lances, decidimos deixar no modo aberto mesmo (até pelo objeto da compra, foi o que melhor se aplicou).

Mas já vi muitas alterações positivas mesmo na fase de publicação. Tem umas opções novas às quais devemos estar atentos na publicação. Por exemplo, na permissão de adesões, o sistema automaticamente preenche com o quíntuplo da quantidade total ao invés do dobro (então nós mesmos devemos preencher).

Também tem a opção de no critério de valor (sigiloso ou não) fazer a opção entre “valor estimado” ou “valor máximo aceitável”. Estes dois podem ser decididos ainda na IRP para pregões por SRP (antes de disponiblizada a IRP para publicação, sabe?) ou aí na fase de publicação, mas deve-se fazê-lo item a item, um por um.
Caso não se faça a escolha dessas 2 informações, conforme o Art. 15 do Decreto 10.024/19, o sistema automaticamente deixará como sigiloso (ou seja, disponível exclusiva e permanentemente aos órgãos de controle interno e externo).
No nosso caso, como os valores estimados estão todos disponíveis já no edital e planilha de preços, deixamos como “não sigiloso” e deixamos como “valor máximo aceitável”.

É importante estar atento para preencher tudo em conformidade com o edital.
Enfim. Até aqui por mim está tudo muito bem. Vejamos durante o certame.
E você, o que achou?

Edjane Pinheiro.


1 Like

Bom dia.
Aqui na UFMS, nos primeiros pregões sob o novo decreto, temos tido dificuldades. Estamos testando o modo de disputa aberto/fechado, e o relato dos pregoeiros é que estão levando várias horas para abrir e encerrar 20 itens. Ontem havia uma mensagem no Comprasnet solicitando que as sessões de pregões agendadas fossem transferidas para hoje. Mesmo assim o sistema tem apresentado lentidão e atrasos nos prazos de encerramentos automáticos. Na próxima semana abriremos pregões no sistema aberto, aproveitaremos para verificar como ocorrerá o andamento da sessão. Pessoalmente acredito que o modo mais eficiente vai ser o aberto com um gatilho de diferença mínima de lances que evite que o licitante fique dando lances muito baixos (de um em um centavo).
Uma mudança que tem ocasionado problemas para a gente é o fato do sistema permitir a abertura de 20 em 20 itens. Além disto, só é possível a abertura de novos itens quando todos os 20 primeiros itens se fecham. Isso tem demandado muito tempo, especialmente para licitações com grandes números de itens. Estamos prevendo que pregões que levavam uma manhã de trabalho para encerramento da fase de lances, atualmente levem dois dias ou mais para encerramento dessa fase, no modo de disputa aberto/fechado.

Helder Nobre
CCL/PROADI/UFMS

1 Like

obg, estamos iniciando agora tb e com o mesmo modo aberto e fechado e o sistema tem dado muitas inconsistências, nesse mesmo sentido, e hj tivemos um caso aqui no Ceará, que ultrapassou o limite de tempo e não encerrou

Estamos tendo várias inconsistências, no COMPRASNET, mas só fizemos no modo aberto e fechado. aqui temos várias já até porque somos uma Central de Licitações, que fazemos para todo o poder executivo.

Apenas atualizando o tópico, o sistema está extremamente lento e inficaz, ao menos no modo de disputa aberto/fechado. Tenho um lote de 20 itens abertos há mais de duas horas, e nem saíram do encerramento aleatório ainda. Se esses itens encerrarem hoje, terei conseguido abrir 80 itens num dia de trabalho, sendo que antes conseguíamos abrir e encerrar mais de 300 numa manhã boa de pregão. Acredito que o Comprasnet não esteja plenamente adaptado para processar o modo de disputa aberto/fechado. Já abri um chamado no suporte do Comprasnet, mas ainda sem resposta. Alguém já tem relatos de como tem funcionado o modo aberto?

o sistema está td instável, independente do modo de disputa.

Bom dia pessoal.
Hoje o sistema tem funcionado muito bem, encerrando as fases no prazo, tanto no modo de disputa aberto, quanto no aberto/fechado. Como o sistema calcula os prazos dos lances, facilita bastante a operação. Acredito que o pessoal do Serpro trabalhou intensamente para resolver as questões de instabilidade.

hj foi bem tranqulo mesmo, td funcionou bem.