Aumento de quantidade de itens de uma ARP

Prezados, bom dia.
Sou pregoeiro aqui do Conselho de Medicina de São Paulo e estou com uma situação atípica a resolver, mas não tenho certeza qual seria a melhor solução.
Fizemos um registro de preços para contratação eventual de itens de materiais elétricos. Porém, acidentalmente, um dos itens, que era para serem adquiridos 500 unidades, foram registradas apenas 50 no ComprasNet, e por consequência, mais tarde homologados pela nossa presidência.
E agora, o nosso requisitante precisará adquirir mais do que essas 50 unidades e para tanto, gostaria de saber a opinião de vocês acerca da melhor solução para esse imbróglio.
Nós poderíamos fazer uma dispensa da parcela restante ou procurar uma ata análoga para fazer carona ou alguma outra possibilidade que vocês vislumbrem?

Poderiam me ajudar?

No edital constou a quantidade correta? E na proposta da empresa?
Vocês usam uma plataforma do SIASG/SISG para a execução contratual (leia-se empenhar)? Pergunto porque meu órgão usa o Comprasnet para licitar mas usa um sistema não vinculado ao SIASG para empenhar. Assim, é possível negociar a quantidade desejada via chat, para viabilizar uma ARP na quantidade correta constante em Edital.

Se você já passou desta fase no certame ou se seu sistema vincula a execução contratual à licitação, então vislumbro a possibilidade de uma dispensa se houver preenchimento de todos os requisitos para um emergencial (inciso IV do art. 24 da 8.666). Para uma adesão também é necessário analisar a presença de alguns requisitos/exigências. Caso contrário, faria outro pregão eletrônico, aproveitando, no que for possível, a instrução processual do primeiro.