Magistrados federais com deficiência ou doença grave podem fazer teletrabalho